Segunda, 18 de Outubro de 2021 18:01
11 93253-3337
Geral Maranhão

Maranhão é um dos estados que mais ampliam obras e serviços, afirma Valor Econômico

A elevação se reflete em mais estradas, hospitais, parques, praças, atendimento na saúde, segurança e outros serviços entregues desde janeiro.

11/10/2021 14h45
Por: Redação Fonte: Secom Maranhão
Obras do Socorrão de Imperatriz (Gilson Teixeira)
Obras do Socorrão de Imperatriz (Gilson Teixeira)

Reportagem do jornal Valor Econômico, desta segunda-feira (11), mostra que o Maranhão é um dos estados que mais ampliam investimentos públicos em obras e serviços. No acumulado deste ano, o aumento nesses investimentos foi de 111%, na comparação com o mesmo período do ano passado.

A elevação se reflete em mais estradas, hospitais, parques, praças, atendimento na saúde, segurança e outros serviços entregues desde janeiro.

O Maranhão é o terceiro estado que mais aumentou os investimentos. “Goiás, Alagoas e Maranhão estão entre os entes que mais aumentaram investimentos”, diz o jornal.

Os dados foram levantados pelo valor dos relatórios fiscais entregues pelos estados à Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

“Esse resultado é fruto de uma política fiscal responsável tendo como principal objetivo desenvolvimento social com políticas públicas de alto impacto, sem deixar de lado um alto índice de investimentos públicos mesmo nesses tempos de crise econômica e política que nosso país vem enfrentando, tudo isso sob a liderança do nosso governador Flávio Dino”, afirma a secretária de Estado do Planejamento e Orçamento, Cynthia Mota Lima.

O aumento dos investimentos é acompanhado da responsabilidade fiscal, para não gastar mais do se pode. Isso fica claro na recém elevação da nota da saúde fiscal do Maranhão pelo Tesouro Nacional.

A chamada Capacidade de Pagamento do Maranhão subiu para a categoria B. Além de ser um importante balizador para a União, a nota serve como chamariz para a atração de novos investimentos, além de passar credibilidade para sociedade, empresas, terceiro setor e agências de risco.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias