Domingo, 05 de Dezembro de 2021 13:55
11 93253-3337
Justiça Tocantins

Governo do Tocantins realiza curso de Pedreiro na Unidade Penal de Natividade

Curso profissionalizante está sendo ofertado para 15 custodiados por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego 

08/10/2021 09h05
Por: Redação Fonte: Secom Tocantins
Renata Duarte destaca que este curso é fruto do planejamento e integração entre o Sistema Penal, Seduc e a Unidade Penal de Natividade - Foto: Seciju/Governo do Tocantins
Renata Duarte destaca que este curso é fruto do planejamento e integração entre o Sistema Penal, Seduc e a Unidade Penal de Natividade - Foto: Seciju/Governo do Tocantins

Com intuito de qualificar as pessoas privadas de liberdade e incentivar a ressocialização por meio do trabalho, o Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Cidadania e Justiça (Seciju), realizou nessa quinta-feira, 7, em Natividade, a aula inaugural de mais um curso profissionalizante no Sistema Penal do Tocantins. O curso de Pedreiro será desenvolvido para 15 custodiados na unidade penal no município, sendo ofertado por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

A ampliação do número de cursos dentro das unidades penais é um dos objetivos do Programa Novo Tempo, que fortalece as assistências educacionais e profissionalizantes no Sistema. “Estamos cumprindo o propósito do Governo do Tocantins, que é tornar o nosso Sistema Penal uma referência nacional. Os cursos de capacitação e de ensino são o caminho para chegarmos neste objetivo e, para isso, continuaremos aumentando as oportunidades de educação, profissionalização, trabalho e renda”, afirmou o superintendente de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional, Orleanes Alves.

O chefe da Unidade Penal de Natividade, Ronaldo Domingues, frisou sobre como o curso irá impactar positivamente na unidade. “Receber esse curso é muito gratificante. Vai ser algo que vai ficar na história da nossa unidade, pois ele é uma forma de dar dignidade a essas pessoas e isso é a melhor forma de reinserir essas pessoas a sociedade”.

A gerente de Reintegração Social, Trabalho e Renda ao preso e ao Egresso daSeciju,Renata Duarte, destacou que esta turma é fruto do planejamento e integração entre o Sistema Penal, a Secretaria Estadual de Educação, Juventude e Esportes (Seduc) e a Unidade Penal de Natividade. “Este é o penúltimo curso de qualificação profissional pactuado com o Pronatec para este ano. Viabilizar políticas de qualificação profissional, trabalho e geração de renda ao preso é uma questão de responsabilidade social e de inteligência penitenciária, pois oportuniza um caminho muito diferente do que fez ele para chegar à prisão, quebrando o círculo da violência, fortalecendo a paz social, proporcionando economia ao Estado e reduzindo a reincidência criminal”, declarou a gerente.

Curso

O Curso de Pedreiro terá duração de 200h/aula, incluindo teoria e prática, do qual participarão custodiados das unidades penais de Barrolândia, Formoso do Araguaia, Cariri; Dianópolis, Gurupi, além de pessoas privadas de liberdade da Unidade Penal de Natividade.

Para o coordenador-geral do Pronatec/Novos Caminhos no Tocantins, Sílvio Inácio Moreira, a educação é um dos principais agentes no processo de construção da cidadania. “É isso que o Governo do Estado do Tocantins vem fazendo por meio da Seduc, em parceria com a Seciju, e com o apoio e financiamento do Governo Federal, pelo Pronatec/Novos Caminhos do Ministério da Educação. Com essas parcerias, estamos oportunizando uma nova perspectiva de vida a esses cursistas privados de liberdade, proporcionando-lhes uma chance de trilhar novos caminhos, uma nova vida”.

Para o custodiado J.M.R.S., esta capacitação é uma “virada de chave”, uma oportunidade que será aproveitada. “O curso é uma coisa boa demais. Educação é tudo e eu estou muito agradecido e satisfeito com a oportunidade que estão dando para gente, é uma oportunidade de ouro”, concluiu.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Mais lidas
Ele1 - Criar site de notícias