Sexta, 24 de Setembro de 2021 18:27
11 93253-3337
Geral Rio Grande do Sul

Comissão Intergestores Bipartite discute na quarta (27) a destinação de 486 mil doses de vacina contra Covid-19

A Comissão Intergestores Bipartite (CIB) realizará uma reunião na quarta-feira (28/7), às 9h, para definir a distribuição e o público-alvo beneficiado pelas vacinas recebidas pelo Estado.

27/07/2021 20h00
Por: Redação Fonte: Secom Rio Grande do Sul
O segundo lote de vacinas Astrazeneca desta terça (27) chegou no início da noite - Foto: Maicon Hinrichsen/Palácio Piratini
O segundo lote de vacinas Astrazeneca desta terça (27) chegou no início da noite - Foto: Maicon Hinrichsen/Palácio Piratini

A Comissão Intergestores Bipartite (CIB) realizará uma reunião na quarta-feira (28/7), às 9h, para definir a destinação e o público-alvo beneficiado pelas mais recentes vacinas recebidas pelo Estado. Nesta terça-feira (27/7), chegaram dois lotes: pela manhã, 63.400 doses da Astrazeneca e 156.500 da Coronavac/Butantan, e no início da noite, 152.250 da Astrazeneca. Na quarta, está previsto o recebimento de mais 114.660 doses da Pfizer.

Além da distribuição das vacinas, a CIB discutirá a aplicação da segunda dose para gestantes que se vacinaram com a Astrazeneca. O Ministério da Saúde recomenda que a d2 seja feita preferencialmente com o imunizante produzido pela Pfizer.

A CIB, conforme legislação do Sistema Único de Saúde (SUS), pactua a organização e o funcionamento das ações e serviços integrados em redes de atenção à saúde. Ela é formada por representantes do governo do Estado e dos municípios.

Doses que chegam ao Estado entre 27 e 28 de julho

Recebidas:

• 215.650 doses da Astrazeneca
• 156.500 doses da Coronavac/Butantan

Previstas:
• 114.660 doses da Pfizer (28/7)

Texto e edição: Secom

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias